Universo Cristão

Pastor chama santa que "chora" de demônio e pode ser processado

Pastor chama santa que “chora” de demônio e pode ser processado

Conhecido por seus vídeos na internet, o senhor Luiz Lourenço, mas conhecido como pastor Poroca, pode ser processado por afirmar que a santa que chorou durante um velório era na verdade um demônio.

O religioso foi convidado pelo “Diário do Sertão TV” para comentar o caso que aconteceu em 5 de janeiro na cidade de Marizópolis, interior da Paraíba.

Poroca é natural da cidade e condenou a adoração a imagens fazendo, com sua fala simples, críticas ao catolicismo. “Os padres gostam muito de adorar demônios”, disse ele.

“Imagem de escultura é demônio e se essa realmente chorou, ali é o demônio”, afirmou ele.

A imagem de Nossa Senhora de Fátima ficava na sala da casa do aposentado Antônio Nonato que estava sendo velado.  Foi um funcionário da funerária quem percebeu que a imagem estava chorando, causando comoção entre os presentes. Uma das filhas do morto chegou a desmaiar de emoção.

“Foi uma coisa impressionante”, disse Francisca Cândida, assistente da funerária que também estava no local. “Não sou muito católica, mas o fato foi impressionante e também chorei vendo o que estava acontecendo e conseguiu tirar uma foto.”

Mas para o evangélico outros fatores podem ter gerado as “lágrimas” na imagem. “Isso é uma mentira muito grande, é um papel que suou naquele vidro abafado”, afirmou.

Mostrando textos bíblicos, Poroca chegou a dizer que o Papa Francisco veio ao Brasil para adorar a satanás e afirmou que a adoração a santos como Frei Damião e Padre Cícero são as causas da seca no nordeste.  “O que está levando o povo à miséria é a imagem de escultura”, disse.

Católicos vão à justiça contra o pastor

Por conta dessas declarações, registradas em um vídeo pelo site noticioso, o pastor Poroca está sendo processado por um grupo de católicos.

Os religiosos afirmam que a opinião de Luiz Lourenço denegriu a imagem da Igreja Católica e também seus fiéis. 

Com informações Diário do Sertão

Universo Cristão

Pastor doa rim e salva vida de membro da sua igreja

Pastor doa rim e salva vida de membro da sua igreja

Bruce McComb, 60, recebeu o primeiro transplante de rim de sua esposa Mimi, em 2002. Depois de alguns anos, começou a rejeição e ele passou a procurar por outro doador. Como não achava nenhum, já estava se desesperando com a gravidade da situação.

Durante uma conversa com o reverendo Jonathan Goertz, 31, da igreja que frequenta, McComb recebeu conselhos, orações e uma oferta. Goertz iria doar um de seus rins. O anúncio surpreendeu a todos os membros da igreja.

O caso se tornou famoso, mas para o religioso é algo natural. “Sempre me sinto impactado quando encontro alguém que tenha qualquer tipo de necessidade, seja ela física, espiritual ou emocional. Eu me pergunto: serei capaz de responder a essa necessidade?”

Ambos moram na pequena cidade de Tappahannock, Virgínia, e a maior surpresa foi que os exames indicaram a compatibilidade, algo que nem sempre ocorre fora da família. Atualmente existem cerca de 100 mil pessoas esperando por uma doação de rim nos Estados Unidos.

“Deus ajeitou tudo para que Jonathan não fosse apenas o meu pastor, mas alguém que tem uma afinidade sanguínea comigo, logo não desenvolverei anticorpos contrários”, comemorou McComb. ”Ele é o que se chama de combinação perfeita… continuo achando incrível que eu pudesse encontrar um doador compatível na pequena cidade de Tappahannock. Pela graça de Deus, ele está me ajudado fisicamente, além do apoio espiritual”.

A cirurgia foi realizada no Centro Médico da Universidade Johns Hopkins, em junho. O período crítico da operação já passou e os dois voltaram a suas vidas normalmente. O reverendo conta: “Eu fiquei pedindo a Deus para que, depois da cirurgia, eu não tivesse dificuldades de continuar levando adiante a minha vida e ministério tendo apenas um rim. ”

Mimi McComb conta que na noite anterior ao procedimento cirúrgico, o religioso os procurou no hospital, ungiu o paciente com óleos e junto com toda a família, oraram e impuseram as mãos pedindo a Deus pela cura de Bruce. Para Goertz sua decisão foi baseada no conceito cristão de sacrifício, exemplificado pelo bom pastor Jesus, que deu sua vida pelas ovelhas. “Todos os cristãos são espiritualmente sacerdotes, profetas e reis, o que significa que fazer sacrifícios deveria ser um aspecto normal na vida de cada cristão.”

Este não é o único caso conhecido em que um sacerdote doa um rim a um membro de sua igreja. Em 2011 David Baca, pastor da Igreja do Nazareno de Westminster, no Colorado, doou seu rim a Chuck Nelson, com quem fazia estudos bíblicos regulares por 14 anos. Em fevereiro de 2012, o pastor Derek Staples, da Igreja Batista de Jacksonville, Alabama, fez a doação para Jennifer Borders, um membro de sua igreja que estava muito doente. Com informações Huffington Post.

 

 

Universo Cristão

Cinquenta cristãos são queimados vivos em casa de pastor na Nigéria

 

Os ataques a cristãos continuam com força total da Nigéria. Relatórios apontam que mais de 100 pessoas foram mortas por terroristas armados na semana passada e o grupo extremista islâmico Boko Haram, mais uma vez assumiu a responsabilidade por eles.

Enquanto fontes diferentes contabilizam a quantidade de pessoas que perderam suas vidas na semana passada, uma história divulgada pela Baptist Press chamou atenção.

Cerca de 50 membros da Igreja de Cristo na Nigéria, moradores da aldeia de Maseh, foram queimados vivos depois de se refugiarem na casa de seu pastor quando fugiam de mais um ataque terrorista.

“Cinquenta membros de nossa igreja foram mortos no prédio da igreja, onde tinha ido se refugiar [na casa pastoral]. Eles foram mortos junto com o pastor, sua esposa e seus filhos”, explicou Dachollom Datiri, vice-presidente da denominação Igreja de Cristo na Nigéria.

Lideranças da Igreja confirmaram que mais de 100 membros foram mortos em diversas aldeias na Nigéria, incluindo Maseh, Ninchah, Kakkuruk, Kuzen, Negon, Pwabiduk, Kai, Ngyo, Kura Falls, Dogo, Kufang e Ruk.

“A Nigéria está realmente se tornando um novo campo de morte para os cristãos. Centenas de cristãos já foram brutalmente assassinados pelo Boko Haram, incluindo mulheres e crianças”, disse Jerry Dykst, porta-voz do ministério Portas Abertas nos EUA. ”O Boko Haram divulgou, no início desta semana, uma ameaça que todos os cristãos devem se converter ao Islã ou eles nunca terão paz novamente. Seu objetivo é fazer toda a Nigéria um país governado e dominado pela lei sharia”, concluiu.

Innocent Chukwuma, consultor de justiça criminal da Nigéria, vai mais além. “Eu não acho que o Boko Haram poderia, invadir essas aldeias sozinhos. Eles precisam do apoio e colaboração dos moradores locais”, disse.

O pastor Ayo Oritsejafor, presidente da Associação Cristã da Nigéria, fez um apelo, afirmando que o Boko Haram é uma organização terrorista e pedindo que a comunidade internacional lute contra ela como faz com a Al Qaeda.

“Há certos extremistas muçulmanos que acreditam que a Nigéria deve ser uma nação islâmica e o Boko Haram é o principal órgão desse grupo de pessoas… O país sempre teve uma população muito bem dividida entre as duas grandes religiões [cristianismo e islamismo ], então não é possível simplesmente islamizar a Nigéria “, acrescentou o pastor.

[Fonte: Gospel Prime]

***
Queridos irmãos, neste exato momento diante de nossa insignificante comodidade e liberdade cristã mal aproveitada oremos pelos cristãos perseguidos na Nigéria.

Universo Cristão

Desembargadora é processada por incitar ódio contra evangélicos

Imagem: ReproduçãoApós denúncia feita pela Frente Parlamentar Evangélica, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mandou instaurar processo administrativo contra a desembargadora do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), Elisabeth Carvalho Nascimento, sob a acusação de discriminação, preconceito e incitação ao ódio contra o povo evangélico.

De acordo com o jornal Extra Alagoas, os crimes teriam acontecido durante o julgamento do processo que pretendia cassar o mandato do deputado João Henrique Caldas por abuso de poder religioso com apoio da Igreja Internacional da Graça de Deus.

A Reclamação Disciplinar feita pela bancada evangélica no Congresso Nacional afirma que, ao proferir seu voto pela cassação do deputado, a desembargadora teria tratado a fé evangélica com deboche e escárnio, chamando os líderes evangélicos de fraudadores, corruptos e caloteiros.

“Igreja Evangélica, quando não recebe em óculos, em anel, em nisso e aquilo… recebe em “cash”, recebe em espécie. Tão acostumados a enganar as pessoas, que por carência disso e daquilo, correm para os templos, dão tudo que tem a eles… e eles com aquela conversa enganam a eles… Por isso é uma coisa tão absurda que merecia um apuramento policial, por isso merece cadeia. RR Soares, por isso aqui, por tentar fraudar a administração pública, merece cadeia”, teria afirmado a magistrada.

Segundo a denúncia, a desembargadora afirmou que o deputado João Caldas pagou para participar dos cultos da Igreja Internacional da Graça, e insinuou que “as celebrações do povo evangélico só acontecem sob negociatas, transações, acordos ou contratos envolvendo a compra e venda de bênçãos”. A representação contra a desembargadora foi assinada por 71 deputados federais evangélicos e católicos.

Fonte: Extra via verdade gospel

Brasil

EX-NAMORADA DE DILMA ROUSSEFF VAI PEDIR PENSÃO

Veronica Maldonado que namorou com Dilma Rousseff vai exigir pensão na Justiça

meio_01102010120927-300x336

A doméstica Verônica Maldonado (foto), afirma que teve um longo romance com a ex-guerrilheira e atual presidente da república, Dilma Rousseff.

Verônica disse que pode provar a relação amorosa com Dilma, por que tem fotos, cartas e outros documentos e por isto vai mover uma ação contra a ex-guerrilheira pedindo o direito à uma pensão mensal, já que, por mais de quinze anos a doméstica deixou de trabalhar e de estudar para se dedicar apenas a vida conjugal com Dilma.

O advogado Celso Langoni Filho, citou o artigo 226 da Constituição, dizendo que a família é um bem da sociedade e que tem proteção especial do estado. A doméstica que amava Dilma foi escanteada logo depois que a guerrilheira foi trabalhar em Brasília.

Fone: Infobr.net

Brasil

Modelo evangélica Aline Franzoi será capa da PlayBoy de setembro

A revista Playboy tem o hábito de anunciar antecipadamente quem estará em suas páginas como estratégia de testar a receptividade do público. Já houve casos em que ela antecipou ou postergou algumas capas.

O anúncio de hoje surpreende. A estrela da edição de setembro será a modelo Aline Franzoi. Evangélica, a musa já participou de concursos de Miss e fez uma participação na novela “Guerra dos sexos”. Mas seu sucesso mesmo foi pelo fato de ser a primeira brasileira a trabalhar como ring girl nas competições de UFC.

Com apenas 20 anos, Franzoi já fez um ensaio sensual para a revista “Vip”. Quando perguntada se posaria nua ela alegou que por ser evangélica nunca o faria, mas mudou de ideia.

Quem segue a bela nas redes sociais sabe que ela costuma postar, além das fotos que faz como modelo, muitas mensagens religiosas. Ainda não se sabe se a revista dará destaque ao fato dela ser evangélica.

Em maio deu uma entrevista ao UOL e declarou “Sou evangélica e uso meu Facebook para dizer o quanto Deus foi e é poderoso em minha vida. E, afinal, o que tem de errado? É muito relativo o que é certo e errado, concilio não só essa nova carreira, como a carreira de modelo também, pois, na minha concepção, Deus olha o nosso coração e a nossa intenção”.

É… assim caminha a cristandade, ou pelo menos uma parte dela: relativizando o óbvio biblico em nome de sua devoção à mamom, o deus “dinheiro”. A diferença é que uns vendem fotos sensuais, outros vendem promessas de prosperidade, mas o objetivo é o mesmo: grana.

 

***

Por Leonardo Gonçalves
Fonte:Púlpito Cristão

Brasil

Ativismo gay divulga lista de ódio: Pr. Silas Malafaia está entre os 10

Imagem: Divulgação

Publicação voltada para o público homossexual no Brasil, Lado A, divulga anualmente uma lista com dez nomes de pessoas consideradas “inimigos públicos” do movimento gay no país. Este ano, a mesma é formada em sua maioria por cristãos, entre eles o pastor Silas Malafaia.

A presidente Dilma Rousseff também aparece, por desagradar a diversos setores sociais. Se por um lado, os políticos evangélicos se queixam de seu governo estimular e patrocinar a militância homossexual, pelo outro lado os ativistas gays a veem como inimiga por não autorizar o “kit gay” nas escolas.

Confira a lista:

Presidente Dilma Rousseff (PT): A lista de queixas dos ativistas gays com a presidente é extensa: “Não dirigiu palavra aos homossexuais desde que assumiu seu mandato e parece ignorar o cotidiano de homossexuais no país [...] Ao vetar o projeto Escola sem Homofobia, em 2011, a presidenta deixou claro que seu governo não faria propaganda de opção sexual que fosse. Dilma também não se manifestou com as decisões favoráveis aos gays da Justiça Brasileira, ou contra políticos homofóbicos”.

Pr. Silas Malafaia: a referência ao líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) se estende às suas declarações. Segundo a publicação: “Um dos pastores evangélicos mais ricos do país, Silas Malafaia adora usar o tema da homossexualidade para se projetar. Fã do termo ‘ditadura gay’, psicólogo por formação, é a favor do projeto de cura gay. Aliás, ele mesmo defende que a homossexualidade é um comportamento que pode ser modificado”.

Senador Magno Malta (PR/ES): Tido como “velho conhecido” da lista, o senador capixaba é apontado como alguém que é inimigo do movimento homossexual pois “se manifesta contra o casamento gay e prometeu mover ação de inconstitucionalidade contra o STF e o CNJ por causa do casamento gay”.

Dep. federal João Campos (PSDB/GO): Foi lembrado pelo mais polêmico de seus projetos: “Este tucano é autor do Decreto Legislativo PDC 234/11, que visa suspender artigos de resolução (Resolução 1/99) do Conselho Federal de Psicologia que proíbem psicólogos de propor tratamento da homossexualidade, o chamado ‘cura gay’”.

Pr. e Dep. federal Marco Feliciano (PSC/SP): A publicação diz que o deputado é “dono de sua própria rede de igrejas” e “conhecido por suas declarações racistas e homofóbicas”. Feliciano já esteve em listas anteriores da revista, e afirma que o pastor “galgou a presidência da Comissão de Direitos Humanos na Câmara para pregar sua fé e defender projetos como o da ‘cura gay’ e a derrubada da decisão do Conselho Nacional de Justiça que permitiu o casamento gay em todo o país”. Segundo a Lado A, Marco Feliciano seria o autor de um projeto para a criação do “Dia do Orgulho Hétero”.

Dep. federal Jair Bolsonaro (PP/RJ): é classificado como o “autor de termos como ‘Ditadura Gay’ e ‘Cartilha gay’” e suas frases foram o principal mote de sua indicação, segundo a revista: “Ele quem começou toda esta onda de usar a mídia com declarações homofóbicas para se auto promover. Apesar de discreto nos últimos tempos, ele e seus filhos, um é vereador e outro deputado no Rio, não perdem uma chance de fazer chacota com homossexuais e a posar de macho alpha”, diz o texto.

Dep. federal Anthony Garotinho (PR/RJ): A atuação do ex-governador na questão do chamado “kit gay” foi alvo da ira dos ativistas gays: “Chegou a chantagear o governo federal para a retirada do Kit Escola Sem Homofobia, causando uma crise no governo. O kit foi retirado e até hoje as escolas não possuem um programa de combate a discriminação e ao bullying. O deputado vota contra todo projeto de lei a favor da comunidade gay e articula com a bancada evangélica as ações, mas não coloca mais a cara à frente na maioria das vezes, já que tem ambições políticas grandes”.

Marisa Lobo, psicóloga: integra a lista por defende publicamente a “reversão da homossexualidade”. A publicação diz que a psicóloga “afirmou que não considera a homossexualidade normal”.

Joelma Mendes, da Banda Calypso: A cantora, declaradamente evangélica, foi incluída por suas declarações contrárias ao casamento gay: “Disse que conhece pessoas que deixaram de ser homossexuais, mas que a recuperação era como a de drogados, e que a Bíblia diz que não é correto ser gay”.

Emerson Eduardo Rodrigues Setim, blogueiro: foi condenado por crimes de ódio e preconceito, e foi indicado por ser um dos autores de um blog que, segundo a revista, “defendia a pedofilia, estupro de lésbicas, e outros pensamentos racistas e homofóbicos”.

Fonte: GM


Universo Cristão

Filho de Netinho de Paula abandona pagode para se tornar pastor

Imagem: Reprodução( Instagram)O filho do cantor Netinho de Paula, Vinícius, abandonou o grupo de pagode ‘Os De Paula’ que formava com os irmãos para se tornar pastor.

“Eu teimei em fazer a minha vontade sendo que a que vale é a de Deus. Aos 17 anos, eu saí da igreja e entrei no grupo com meus irmãos, mas dentro de mim essa vontade queimava”, afirmou Vinícius.

Segundo ele, apesar de gostar de cantar com os irmãos, algo ainda faltava em sua vida: “Eu senti o chamado de Deus. Cheguei um dia em casa de um show e recebi um CD do Thales Roberto. Comecei a chorar porque as músicas falavam comigo. Fiquei parado pensando em toda a minha vida e caí na real do que Deus queria”.

Depois de decidir deixar o grupo, ele afirma que ficou com medo quando foi  falar com os irmãos e com o pai.

“Meus irmãos me apoiaram muito, disseram para eu seguir firme no meu sonho. Depois disso foi a vez de enfrentar meu maior medo: meu pai [risos]. Afinal, ele sempre foi o maior investidor do grupo. E foi um alívio quando ele me disse para eu seguir meu coração e ouvir a Deus”.

O filho de Netinho tem frequentado desde março um seminário para se tornar pastor. Ele conta que os pais sempre o incentivaram a frequentar a igreja e a se envolver com o meio gospel. “Quando eu tinha uns 12 anos, comecei a sonhar em ser pastor. Isso já estava em mim e na hora certa despertou”.

Fonte: R7 via verdade gospel

Universo Cristão

Vídeo: Emerson Fittipaldi fala de sua conversão no ‘Agora é Tarde’

Imagem: DivulgaçãoO bicampeão de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi testemunhou sobre sua conversão ao cristianismo em entrevista ao programa ‘Agora é Tarde’, da Band, apresentado por Danilo Gentili.

Em 1996, quando corria na Fórmula Indy, Emerson sofreu um acidente durante a prova de Michigan, ao tentar ultrapassar o piloto canadense Greg Moore. O ex-piloto afirmou que na época pensou em parar de competir, e chegou a conversar com o dono da equipe sobre o assunto.

Durante a entrevista, Emerson relatou a conversa com o antigo chefe e afirmou que o acidente foi um instrumento para aceitar Jesus: “[Foi] uma martelada que eu recebi de Deus pra aceitar Cristo na minha vida”, disse.

Sobre sua conversão Emerson Fittipaldi diz que sua decisão se deu por meio de um ex-colega de profissão: “[Foi nessa época que] eu aceitei. O Alex Dias Ribeiro, que também é um ex-piloto de Fórmula, é pastor e foi na minha casa me visitar. Eu estava todo inchado, todo arrebentado. Ele entrou com a Bíblia na mão. Eu falei: você vai me dar a extrema unção? E foi assim que eu realmente conheci a vida cristã e foi espetacular. Mudou minha vida”, testemunhou.

Assista à entrevista e deixe seu comentário no Verdade Gospel.

Internacional

Universal Private Banking

Está pensando abrir uma conta bancária e receber um cartão de débito, mesmo estando com o CPF negativado, agora vc ja pode. Está chegando o Universal Private Banking, o primeiro banco que trabalha com Marketing de Rede, nele vc abre a conta bancária internacional e recebe um cartão de débito internacional e ainda tem ganhos diariamente na sua conta. Veja como funciona aqui e se cadastre gratis http://www.uprivatebanking.com/Danielelias ou ligue para 96570708.

Internacional

Revista Time coloca pastor entre os 100 mais influentes do mundo

 

Revista Time coloca pastor assembleiano entre os 100 líderes mais influentes do mundoRevista Time coloca pastor entre os 100 líderes mais influentes do mundo

Titãs, pioneiros, líderes, artistas e ícones. Essas são as categorias usadas este ano pela revista Time na sua tradicional lista com as 100 pessoas mais influentes do mundo. Além de políticos e empresários, chama atenção na lista de “líders” o nome de Wilfredo de Jesus, 48, mais conhecido como Pastor Choco. Ele está a frente do Ministério Aliança de Vida Nova, uma das que igrejas que mais crescem nos Estados Unidos. Com sede em Chicago, é a maior congregação da Assembleia de Deus do país,  com 17.000 mil membros.

Em 2000, eram apenas 100 pessoas por culto. Essa igreja majoritariamente latina além dos cultos em inglês e espanhol realiza ações em sua comunidade, com trabalhos entre os sem-teto, as mulheres envolvidas com drogadição e prostituição, além de jovens pertencentes a gangues.

“Quando você vive nos subúrbios de uma cidade grande, isso molda você, porque você vê a injustiça e não pode simplesmente pregar no domingo e ignorar o que acontece à sua volta”, diz ele. “Você não tem outra escolha a não ser entrar no meio dessa luta e falar para as pessoas sobre uma vida diferente”.

Choco também é o vice-presidente do departamento de justiça social da influente organização Conferência Nacional de Liderança Cristã Hispânica.  O perfil do pastor latino na revista é assinado por Rick Warren, que já figurou em listas anteriores da Time.

Já o papa Francisco é descrito como uma pessoa simples como Jesus e São Francisco de Assis; descomplicada, um pastor sincero. A Time destaca os novos rumos que a Igreja Católica poderá tomar se o novo pontífice conseguir impor sua filosofia de vida e de ministério em uma instituição marcada por escândalos financeiros e sexuais nos últimos anos.

Há um brasileiro entre os 100 mais deste ano: o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa. Curiosamente, ele tomou o lugar de representante do Brasil da presidente Dilma que figurou na lista ano passado. De acordo com a Time, com o julgamento dos membros do partido de Dilma por causa do mensalão ele passou a “simbolizar a promessa de um novo Brasil, comprometido com o multiculturalismo e igualdade”. Com informações de Time e Terra.

 

Universo Cristão

Noiva de Latino revela conversão do cantor e afirma que cerimônia de casamento será evangélica

Noiva de Latino revela conversão do cantor e afirma que cerimônia de casamento será evangélica

O cantor Latino, que se casará em outubro próximo, teria se tornado evangélico, de acordo com sua noiva, Rayanne Morais, que é modelo e atriz, e foi Miss Rio de Janeiro.

A informação foi revelada por ela quando entrevistada pelo portal Terra sobre os detalhes da cerimônia, que será realizada no dia 12 de outubro.

De acordo com a modelo, a cerimônia será evangélica, pois ela e o cantor – conhecido por suas músicas que falam explicitamente de sexo – são convertidos. Porém, Rayanne não revelou qual seria a denominação frequentada por eles.

Segundo ela, a cerimônia será organizada por Roberto Cohen, renomado cerimonialista da alta sociedade, e realizada no salão de eventos do Copacabana Palace.

Após a cerimônia, o casal seguirá para uma lua de mel de nove dias em Dubai e Ilhas Maldivas: “Eu amo viajar, foi uma opção nossa. Tem lugar mais romântico que as Maldivas? Não tem”, afirmou.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Universo Cristão

Silas Malafaia organiza manifestação pacífica em Brasília

O pastor Silas Malafaia está organizando uma grande manifestação pacífica para o dia 5 de junho em Brasília. Milhares de pessoas deverão se juntar a ele para defender a família tradicional, a vida, a liberdade de expressão e a liberdade religiosa.

A expectativa é de juntar cerca de 100.000 pessoas para protestar contra o casamento gay, o aborto e o Projeto de Lei 122 que na intenção do governo deverá ser votado ainda este ano.

Vários cantores evangélicos participarão deste evento para defender os valores cristãos, entre eles o cantor Thalles Roberto, André Valadão, Aline Barros, Eyshila, Nani Azevedo, David Quinlan, Cassiane e Bruna Karla.

Ao fazer o convite para convocar a todos que tenham este entendimento, o pastor Silas Malafaia lembra das manobras políticas orquestradas para impor a união entre pessoas do mesmo sexo. “Já que estão forçando a barra sobre o casamento gay, vamos a Brasília para dizer que estamos do outro lado”.

Ele comenta também que não será um evento voltado exclusivamente para defender o deputado Marco Feliciano, mas para mostrar a posição daqueles que são a favor da família tradicional e contra o aborto.

“Não é um ato exclusivo para apoiar Marco Feliciano, mas para marcarmos nossa posição. Vamos dar a nossa resposta. Todas as lideranças evangélicas estarão presentes, assim como a bancada evangélica. Vai ter gente de todos os lados do Brasil”, afirmou o pastor.

Brasil

Marília Gabriela nega entrevista a Marco Feliciano

 

Marília Gabriela nega entrevista a Marco FelicianoMarília Gabriela nega entrevista a Marco Feliciano

Tentando fugir da pressão e polêmica envolvendo seu nome, Marco Feliciano, Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, tem participado de diversos programas da televisão brasileira para falar sobre as manifestações contra seu nome e assuntos relacionados aos movimentos LGBT.

Nesta sexta-feira (19) Feliciano ouviu um não ao ligar para a produção do “De Frente com Gabi”, da mesma emissora do “Programa do Ratinho”, no SBT, onde esteve na última segunda-feira (15).

De acordo com o jornal Folha de São Paulo apesar de a participação do pastor Silas Malafaia ter rendido boa repercussão e audiência, Feliciano não teria o mesmo prestígio do líder da Associação Vitória em Cristo. Um novo convite foi feito a Silas, que deve voltar no segundo semestre, enquanto Marco ficará sem seu ‘espaço’ no talk-show.

Política

Aprovado projeto que libera arma de choque para defesa pessoal

A Comissão de Segurança Pública aprovou o direito de o cidadão carregar arma de choque para defesa pessoal. A proposta (PL 2801/11), do deputado Luiz Argôlo (PP-BA), gerou muita discussão entre os  integrantes da comissão.

Para o relator do projeto deputado Guilherme Campos (PSD-SP) o Estado não consegue dar segurança adequada ao cidadão e também não lhe permite acesso a armas de fogo. As armas de choque poderiam ser uma saída para essa situação, desde que devidamente registradas.

“A possibilidade de você ter uma alternativa que não seja uma arma de fogo. É uma arma menos letal. É uma arma que pode provocar a morte, pode. Da mesma forma que uma faca pode provocar a morte, um murro pode provocar a morte. É uma alternativa que é usada no mundo inteiro”.

Mas para o deputado Nazareno Fonteles (PT-PI) essas armas são um grande risco. Ele explicou que crianças, idosos, ou mesmo adultos em situação de vulnerabilidade, como uma doença cardíaca ou outra condição, podem morrer ao sofrer uma descarga desse tipo de arma. Ele também defendeu o desarmamento geral da sociedade como saída para o combate à violência.

“A população de um modo geral deve ser desarmada porque se a gente arma todo mundo, a probabilidade que alguns estudos já mostraram – de ter violência, morte – é muito maior”, disse.

A proposta que permite que o cidadão comum use armas de choque para defesa pessoal ainda terá de ser analisada pela Comissão de Constituição e Justiça. Caso seja aprovada, será votada pelo Plenário.

 

Fonte: Câmara Notícias

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL , Nordeste , CAICO , Homem

 
Visitante número: